Série ao Fundo

Do outside para o inside da sua casa

POSSIBILIDADES EM PENICHE

Por Edinho Leite

A briga pelo título da elite mundial da WSL vai pegar fogo em Portugal. Deixo aqui alguns fatos e uma pulga

Como muita gente previa a corrida pelo caneco da WSL em 2017 está bem interessante.
Até aqui, além da lycra amarela nas mãos do havaiano John John Florence, vale constatar que os brasileiros estão na ponta quanto à vitórias esse ano. Filipe Toledo levou duas e nossos campeões mundiais, Adriano de Souza e Gabriel Medina, uma cada um.

Candidatos ao título ou a etapa? Em Peniche, os favoritos definem o título

Detesto números, mas vamos lá, eles existem para alguma coisa, tipo isso:
Oito na disputa. John John Florence, Jordy Smith, Gabriel Medina, Owen Wright, Matt Wilkinson, Julian Wilson, Filipe Toledo e Adriano de Souza ainda tem chances matemáticas de vencer esse ano.

Muito embora probabilidades numéricas apontem para John John, Jordy e Gabriel com larga vantagem. Portugal será essencial na vida de muita gente, no topo e na base do ranking, mas há grande chance dessa briga só terminar em Pipe.


O BÁSICO

Para entender melhor o que pode acontecer vamos pela perspectiva de quem está na
frente.

  • Se John John Florence obtiver um 1º lugar em Portugal, Jordy Smith precisará de um 5º, ou melhor, para levar a decisão do título mundial para o Hawaii.
  • Se JJF for vice em Portugal, Jordy precisará de uma nona colocação ou mais, enquanto Gabriel Medina, Owen Wright e Matt Wilkinson precisarão vencer para adiar a decisão do caneco para Pipe.
  • Se Jonflo ficar em terceiro lugar em Peniche a decisão do título mundial irá para o Hawaii, mesmo que Jordy Smith não passe bateria alguma, ficando na 25º, diferente do ano passado.

Em 2016 John John foi campeão mundial, por antecipação, na praia do Medão, onde fica o pico de Super Tubos, quando Jordy perdeu para Conner Coffin na semifinal. Para fechar com grande estilo John John ainda venceu a etapa portuguesa.

Em 2016 Peniche foi o palco do título. O raio cairá novamente? 

Para engrossar o caldo vale lembrar que Mick Fanning é o único sujeito a ter vencido duas vezes em Super Tubos (2009 e 2013). Kelly Slater e Kai Otton, que já venceram por lá, estão fora. JJF, Toledo, Julian Wilson e ADS tentarão dar uma segunda
carimbada no caneco de Peniche.

Em 2011 foi ADS. Será que teremos bi em Peniche? 

Sim, tenho a impressão de que esse título só será decidido em Pipeline, mas isso talvez não passe de influência dessa pulga atrás da minha orelha.